NOSTALGIA
 

Já acabou e deixou saudades!

O maior evento realizado em Assentis acabou há poucos dias e as saudades já nos invadiram. A Festa em Honra de S. António, realizada nos dias 6, 7, 8 e 9 de Agosto encheram Assentis de vida.

Depois de muitos dias de trabalho árduo, o recinto ficou preparado para quatro dias de alegria. O arraial abriu na sexta-feira à tarde, altura em que se deram os retoques finais e à hora de jantar já tudo estava pronto. O restaurante esteve bem composto e já perto da meia-noite, os The Peorth abriram as hostilidades, seguidos pelos Declinius.

No sábado, começou o torneio de futebol 7, com os jogos entre Fungalvaz e Cem Soldos e, Outeiro Grande e Oliveira & Graça. Ao mesmo tempo, um porco no espeto foi alimentando os estômagos mais vorazes.

Á hora de jantar, o restaurante registou uma verdadeira enchente e mais tarde, o rock dos Terazi e dos Sundays Rags não foi apreciado por toda a gente, ao contrário de sexta-feira. Mesmo assim, os resistentes aguentaram até de manhã.


O domingo começou cedo, para alguns, com o tradicional peditório animado pelos Gaiteiros de Carregueiros. Depois de almoço, o padre convidado esqueceu-se de aparecer e a missa e procissão realizaram-se com duas horas de atraso, já com outro clérigo.

No campo da Pinheira, apesar da chuvada que provocou alguns sustos, Fungalvaz, Cem Soldos, Outeiro Grande e Oliveira & Graça discutiram os lugares finais do torneio de futebol. No intervalo realizou-se uma corrida de cântaros com sete participantes, enquanto o cheiro das sardinhas pairava no ar.

À hora de jantar, o restaurante não registou a afluência esperada devido à ameaça de chuva. No entanto, quando o grupo Out Band começou a tocar, por volta das 22h30, o recinto estava cheio e assim se manteve até às duas da madrugada.

Na segunda-feira, as mulheres de Assentis mostraram que também sabem dar chutos na bola. No duelo entre solteiras e casadas, as mais novas foram mais felizes e golearam as mais pesadotas por mais de uma dúzia de golos. Rita Conde salvou a honra do convento, neste caso das casadas, ao marcar o único golo da sua equipa.

Nos homens, os casados mostraram a sua experiência e aviaram os solteiros com um concludente 4-1. Quem sabe, nunca esquece, apesar das barriguitas.

Em simultâneo, decorreram os jogos populares onde se registou um despiste na corrida de carros de mão. A condutora Beatriz Vieira ficou sem travões e mandou a passageira Céu Gomes pelos ares. Resultado: cabeça partida, mas nada de grave.

Mais à noite, depois do jantar, José Pedro animou a festa até de madrugada, com a preciosa ajuda do “cantor” João Conde. Pelo meio, foram entregues os prémios dos jogos populares e do torneio de futebol 7.

Um dos grandes atractivos da festa foi o jogo da malha, para ganhar um pato, no sábado e no domingo, e um coelho, na segunda-feira. Os concorrentes não desistiram facilmente, tornando a luta intensa.

Torneio de Futebol- Classificação

1º - Oliveira & Graça
2º - Cem Soldos
3º - Outeiro Grande
4º - Fungalvaz
 
Jogos Populares - Classificação

Corrida de cântaros

1º - Maria das Dores
2º - Rita Vieira
3º - Jesus Violante


Partir cântaros

1º - Daniela Ferreira
2º - Margarida Tomás
3º - Rita Pereira

 


Corrida de carros de mão 

1º - Cristina Violante e Helena Leal
2º - São Costa e Sandra Violante
3º - Céu Gomes e Beatriz Vieira

 


Corrida de sacos

1º - Fábio
2º - Margarida Tomás
3º - Rute Tomás


Jogo da Garrafa

1º - Rute Catarina
2º - Samantha Gomes


Agradecimentos

Em nome da Comissão de Festas, aproveito para agradecer a todas as pessoas que trabalharam para o sucesso da festa. Por outro lado, fica um grande e reconhecido agradecimento ao José Costa, pela cedência, mais uma vez, do terreno para a realização da festa.

Por último, o nosso grato obrigado à Junta de Freguesia de Assentis e a todas as empresas que nos ajudaram.

Obrigado a todos.

 

Nuno Matos