"Mós Rolantes" na 26ª Concentração Internacional de Faro - 2007

A representação das Mós Rolantes e amigos na Concentração Internacional de Faro já foi bem mais numerosa. Facilmente se identificam várias razões para esta tendência penso no entanto que a falta de interesse não é a principal. São vários os artigos que referem que depois de uma concentração tão especial como foi a do ano passado seria de esperar uma grande quebra este ano. Nós confirmamos o que todos esses artigos também reconhecem – Faro continua a ser especial e quando acaba todos dizem até para o ano.
Penso que este terá sido mesmo o ano em que mais Mós Rolantes e amigos se fizeram à viagem logo na quinta-feira. Nessa noite Faro já contou com a presença de 8 Mós & Amigos. A estes juntaram-se mais 9 ao longo do dia de sexta-feira ficando o grupo completo - 18 pessoas – com a chegada no inicio da tarde de mais um reforço.
Pelo Alentejo fomos perdendo as muitas dificuldades que carregamos ao longo do ano e chegados a Faro rapidamente nos deixamos conquistar pelas irresistíveis “loiras” que a Sagres distribuiu por todas as esquinas.
Apesar já seguirmos um programa que fomos refinando ao longo dos anos, ainda assim existem imprevistos suficientes para que fiquem sempre muitas histórias para contar.
Este foi o ano em que o Aurélio não vai conseguir esquecer a tenda com a qual nunca se conseguiu entender acabando o romance ao murro e pontapé.
Por falar em Aurélio, justiça lhe seja feita, esteve em todas e foi o principal responsável pelos muitos e bons momentos que ali vivemos. O conhecido adorno que o torna tão popular, demorou mas acabou para chegar na tarde de 6ªfeira. Sem qualquer tipo de exagero, foram-lhe tiradas largas centenas de fotografias.
Interessante foi também o contacto com o Revista Motociclismo, proporcionado pelo amigo Bófia o que nos valeu um pequeno artigo no número que na 4ªfeira seguinte já estava nas bancas.
Outra característica muito especial de Faro é a facilidade com que se fazem amizades. Para além dos amigos de Torres Vedras que ficaram hospedados no mesmo hotel o grande destaque vai para os amigos do Motoclube Pixtones de Maracena.
Cada um de nós ficou com a sua fatia de proveito de mais uma ida a Faro mas no final o mais importante continua a ser o facto de termos feito boa viagem e de termos estado, em todos aspectos, ao nível daquilo que são os nossos saudáveis princípios.

Até para o ano.

José António Costa
2007-08-01

João Luciano - Aurélio - Nuno - Zé-Tó - Vitor - Zé-Alberto -Nelson
Carla - João Paulo
Nuno Almeida - Filipe
Luís Gonçalves - Zé Alexandre - Tó-Dias - Rui - Paulo - David - Albertino

 
 
 
 
 
 
 
Fotos José António Costa